DESINCHÁ - Reduza Medidas

R$22,99
Entregas para o CEP:

Meios de envio

Reduza medidas com o Desinchá


O Desinchá é uma alternativa para quem busca perder medidas com saúde e de forma natural


Você já ouviu falar no Desinchá? Sabia que ele é a nova aposta do mundo fitness e da boa forma? É isso mesmo!

Nesse texto você vai entender como essa bebida atua a favor da saúde e estética, de que ela é composta e qual a melhor forma de consumo. Essas e outras informações você confere a seguir!


A bebida segue o formato tradicional de chá comercializados nos mercados e casas de produtos naturais, mas com dois importantes diferenciais: a proposta e a composição.


O que é o Desinchá e para que serve?


O Desinchá é o nome de uma proposta inovadora que tem como objetivo combater a retenção de líquido no corpo.

 

Como preparar esse chá:

O preparo é feito por meio de infusão.
Ferva 150 ml de água, coloque em uma xícara, e deposite uma colher de sopa ou a seu gosto.
Deixe repousar por 5 minutos e a bebida estará pronta para consumo. Se preferir adoçar, opte pelo mel ou adoçante.

Esse chá também pode ser consumido gelado. Basta seguir o mesmo modo de preparo e deixar esfriar.
Acrescente algumas pedras de gelo e voilá, você terá seu Desinchá gelado e refrescante.
Dicas para consumo

O chá do Desinchá pode ser conservado na geladeira por até 24 horas depois de preparado.
O produto pode ser consumido gelado ou quente, uma ou duas vezes ao dia no horário de sua preferência. Alguns horários recomendados são:
Ao acordar, em jejum;
À tarde, entre o almoço e o jantar;
Durante a prática de atividades físicas (de preferência gelado).
Segundo o fabricante, o chá pode ser consumido diariamente, 365 dias por ano! Sua principal proposta é combater a retenção hídrica e ajudar na eliminação de toxinas que ficam acumuladas no organismo ao longo do dia por ter efeito diurético, fazendo com que o organismo desinche ao longo do dia.


Benefícios de cada erva


Carqueja

A carqueja já é utilizada na medicina popular na forma de chá há muito tempo. O chá geralmente é feito com as folhas da planta, tendo benefícios comprovados cientificamente no tratamento de problemas gástricos, como: infecções estomacais, gastrite e parasitas do trato intestinal.
Ela também reduz colesterol e má circulação, além de ser uma aliada no emagrecimento por controlar o apetite, principalmente quando o chá é ingerido antes das refeições.

Um outro benefício do chá de carqueja é seu efeito diurético, mais um aliado no emagrecimento, pois reduz a retenção de líquidos pelo organismo e aumenta a eliminação de substâncias maléficas retidas nas células promovendo um efeito anti-inflamatório nas mesmas, logo, combatendo o inchaço pelo acúmulo desses líquidos.

Hortelã

A planta é uma velha conhecida da medicina alternativa, muito utilizada no preparo de chás e xaropes caseiros, tendo propriedades digestivas por estimular a produção de algumas enzimas, diminuindo náuseas e gases.
Entretanto, o hortelã é muito conhecida por ajudar na recuperação de gripes, resfriados e tosses devido ao seu efeito descongestionante nos pulmões e ajudar a aumentar a imunidade do organismo.

Gengibre

O gengibre é muito utilizado na cozinha em todo o mundo, tanto como tempero como no preparo de chás. Isso se dá por ele ter propriedades que auxiliam no processo digestivo e na prevenção de problemas estomacais.

O gengibre também tem poderes termogênicos, acelera o metabolismo e melhora a queima de gordura pelo organismo, além de evitar a retenção de líquido e ajudar na eliminação de substâncias tóxicas das células que causam inflamações.

Alecrim

O alecrim é utilizado na cultura de diversos povos desde a Idade Média, transitando muito bem como tempero em diversos pratos, como no preparo de chás e infusões para combater diversos males como tosses, gripes, catarro e resfriados. Também possui benefícios sobre o sistema nervoso central, o que faz do alecrim um ótimo aliado no combate a ansiedade e cansaço mental.

No emagrecimento, a planta ajuda a eliminar o excesso de líquidos e substâncias tóxicas no organismo, evitando inchaço, retenção de líquido e inflamações nas células, além de controlar a flora intestinal.

Cana do Brejo

A Cana do Brejo também pode ter a função de auxiliar no emagrecimento de maneira saudável e natural. Ela é uma planta que ajuda a estimular o metabolismo, fazendo com que ele trabalhe mais rapidamente e assim queime mais calorias. Com o metabolismo mais rápido você emagrece mais rápido também.

Além disso, ela possui a função diurética, o que ajuda a acabar com a retenção de líquidos e diminuir a sensação de inchaço. Que é o que mais incomodam as pessoas, que muitas vezes não conseguem emagrecer, pois retém muito líquido. Com essa planta elas não têm mais esse problema.

Tanto a Cana do Brejo consumida em chá de folhas como o suco ajudam no emagrecimento. O chá se consumido ao longo do dia ajuda a manter-se saciado por mais tempo e assim você sentirá menos fome. Já o suco tem maior função diurética devido a presença das fibras nele.
 
 
Chá de cavalinha
  
No âmbito do emagrecimento, o chá de cavalinha pode ser um bom aliado , já que sua ação diurética auxilia a aceleração do metabolismo, elimina as toxinas do corpo e ainda ajudar a combater o inchaço, o que torna a perda de peso mais evidente e perceptível.

 O chá de cavalinha é rico em saponinas e flavonoides, que funcionam como diuréticos. O chá de cavalinha ajuda na redução de inchaço e eliminação de toxinas.


Precauções

Vale salientar ainda que os efeitos do produto são intensificados quando aliados a uma alimentação sem excessos, saudável e equilibrada, não fazendo uso de álcool ou outros tipos de substâncias químicas, junto à prática de atividades físicas regulares. Neste tocante, é sempre importante consultar um profissional da área, como um nutricionista e um personal fitness.
O uso do produto deve ser evitado por qualquer pessoa que possua sensibilidade a um ou mais de seus ingredientes, assim como grávidas e lactantes. Pessoas que fazem uso de medicamentos controlados ou tratamentos médicos devem consultar seu médico sobre o uso do produto.
Apesar de tratar-se de um produto natural, seu consumo deve ser moderado, não sendo aconselhável tomar mais do que 4 xícaras  por dia, até porque o aumento da dosagem do produto não vai intensificar as propriedades do mesmo. Na verdade, isso pode sobrecarregar alguns órgãos como rins e fígado.

 

Compartilhar: